Demissões na Cidade do Saber: ‘Mais um desrespeito ao povo’, diz Luiza Maia

Foto: Marina Silva

A parlamentar lamentou a depredação administrativa de um equipamento que já beneficiou mais de 500 mil jovens e adolescentes com conhecimento, atividades lúdicas, práticas esportivas, culturais e profissionais.

“É uma absurda falta de respeito com os pais e com a juventude que faz uso de todos os benefícios da Cidade do Saber. Uma instituição que é referência mundial não pode receber esse tratamento. Isto é lamentável, mostra que Ademar não se preocupa com o povo camaçariense”, afirmou.

A deputada disse ainda que este é o “presente de mal gosto” que o prefeito vai dar à Cidade do Saber, que completa 9 anos no próximo dia 22 de março: “Dinheiro para financiar a baixaria na Lavagem de Arembepe a prefeitura teve, mas para investir na manutenção deste importante equipamento não tem? Absurdo”.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*