‘Fidel vive’, diz Luiza Maia em exposição que homenageia Fidel Castro

“Esta noite milhões de crianças dormirão na rua, mas nenhuma delas é cubana”. A citação de Fidel Castro foi ecoada pela deputada Luiza Maia (PT), nesta segunda-feira (20), Dia da Consciência Negra, durante a abertura oficial da Mostra “Fidel es Fidel”, em cartaz na Assembleia Legislativa da Bahia.

Luiza Maia e o Cônsul de Cuba, Alexis Cruz. | Foto: Cadu Freitas

O lançamento da exposição, com 17 fotografias históricas, contou ainda com a presença do Cônsul Cubano, Alexis Cruz.

A expo será encerrada na sexta-feira (24), com uma sessão especial de homenagem Póstuma à Fidel. | Foto: Cadu Freitas

“Em novembro do ano passado, estive na embaixada de Cuba, aqui em Salvador, para assinar o Livro de Condolências, na ocasião da morte de Fidel, líder da revolução cubana. Hoje, tenho a honra de abrir este belíssimo evento. O Mandato do deputado Marcelino Galo está de parabéns por promover essa homenagem”, destacou a parlamentar.

Como diria o próprio Fidel: “Pátria ou Morte!”. | Foto: Cadu Freitas

Para Luiza Maia, Fidel foi uma das personalidades de maior destaque na política, no último século. “Ele enfrentou o embargo econômico dos EUA e não sucumbiu ao massacre midiático mundial. Suas palavras jamais serão esquecidas. Sobretudo, nestes tempos de ataques golpistas à nossa democracia e ao nosso líder maior, Lula, aqui no Brasil”, destacou.

A deputada Luiza Maia se disse honrada em abrir a exposição. | Foto: Cadu Freitas

 

*Texto/Edição: Freitas

Assista vídeo do evento:

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*