‘Temer exonera presidente da Funai às vésperas do Dia do Índio’, dispara Luiza Maia

Parlamentar denuncia que a medida foi para atender pressão da bancada ruralista…

A presidente da Comissão dos Direitos da Mulher, deputada Luiza Maia (PT), denunciou a manobra de Michel Temer para atender interesses da bancada ruralista no Congresso Nacional: “O golpista exonerou o presidente da FUNAI, Franklimberg Ribeiro de Freitas”. No plenário da Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (18), ela defendeu que, na véspera do Dia do Índio, o país sofre novo risco de retrocesso.

Foto: Marcelo Ferrão/Divulgação

“Os ruralistas reclamaram que Franklimberg estaria ‘desconsiderando’ projetos de interesse deles. O golpista atendeu. Ele não se importa com as minorias sociais, não faz a menor cerimônia para acabar com direitos assegurados aos povos indígenas. Por isso, ao comemorarmos o dia dedicado aos índios, nesta quinta-feira (19), temos que reafirmar nossa luta. Nenhum direito a menos”, disse.

Luiza Maia destacou ainda que a representação do “índio genérico”, como “brincadeira ou folclore”, não representa as etnias indígenas presentes no país: “Precisamos cobrar também a efetivação plena da Lei 11.645/2008, que determina a inclusão do ensino da História e Culturas Afro-brasileiras e Indígenas, nos currículos escolares”.

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*