UFBA sedia debate sobre PL da Propaganda Sem Machismo

A discussão focou no lugar da mulher na publicidade e no uso de ferramentas de combate ao sexismo na mídia.

"Já passou da hora de nos empoderarmos, nos unirmos ainda mais, para combater essa desigualdade de gênero que tenta destruir nossas conquistas. Sofremos violência simbólica o tempo inteiro, seja na música, no humor, na publicidade ou na mídia. Por isso, nosso projeto se levanta como uma bandeira contra essa desvalorização da mulher, tratada como mercadoria descartável para vender produtos", afirmou a parlamentar.

A jornalista Maíra Kubik Mano, colunista da revista Carta Capital e professora do bacharelado de Estudos em Gênero e Diversidade da Universidade Federal baiana, também foi debatedora do evento. A moderação da mesa ficou por conta da ativista Barbara Alves, do LESBIBAHIA. O ato foi realizado pelo Núcleo de Estudos Feministas em Política e Educação (Gira/UFBA) e pelo bacharelado, em parceria com a Bancada Feminina da Assembleia Legislativa.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*