Lula diz que Dilma fará mais bonito do que ele nas futuras reuniões do G20

Pela última vez na Cúpula do G20 (que reúne as 20 maiores economias mundiais), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta quinta-feira (11) estar com a sensação de dever cumprido. Segundo ele, o maior compromisso que tinha era o de “eleger a sucessora”, o que conseguiu fazer com a vitória da presidenta eleita, Dilma Rousseff, também presente nas reuniões em Seul, na Coreia do Sul.

“Eu acho que o grande compromisso que eu tinha antes era eleger minha sucessora”, afirmou Lula, não informando quais são seus planos para depois de janeiro, quando transmitir o cargo para Dilma.

O presidente afirmou ainda que, a um mês e meio de Dilma assumir a Presidência da República, o principal desejo dele é de que ela tenha mais sucesso no cargo. “Agora, faltando um mês e meio, só cabe torcer para que ela monte um grande governo e possa ter mais sucesso do que eu tive”, afirmou.

Bem-humorado, Lula disse ainda que pretende continuar “negociando” em vários fóruns. Ele disse estar tranquilo para esta última reunião do G20 cujos temas são a guerra cambial e as ações isoladas de alguns países que provocam o desequilíbrio da economia global.

Para o presidente, os líderes mundiais não sentirão falta dele nas reuniões do G20 porque o Brasil será representado por Dilma que fará “mais bonito”. “Estou tranquilo porque o G20 nem sentirá falta do presidente Lula porque ela fará muito mais bonito”, disse.

 

Agência Brasil.

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*