Lula estima contratação de 1 milhão de casas até o fim do ano

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta segunda (25) que a estimativa do governo é contratar, pela Caixa Econômica Federal, 1 milhão de casas pelo programa Minha Casa, Minha Vida, até o final do ano.

Durante a entrega de unidades habitacionais, em Manguinhos, na zona norte da cidade do Rio, o presidente também estimou que, a partir de 2011, o programa terá 2 milhões de casas para construir.

"Esse ano, se Deus quiser, a gente vai contratar 1 milhão de casas no Minha Casa, Minha Vida sendo a maioria delas para ajudar pessoas que ganham até três salários mínimos, que são as mais pobres. A partir do ano que vem, já temos 2 milhões de casas para construir", assegurou.

O presidente falou ainda da intenção de incluir no Programa de Aceleração do Crescimento 2 (PAC 2) uma linha de financiamento, pela Caixa, para pessoas de baixa renda reformarem suas casas.

"A gente precisa pensar em como criar um mecanismo através da Caixa para financiar aquelas pessoas que têm uma casinha num terreno melhor, mas precisam acabar suas casas", afirmou Lula, ao falar das obras de infraestrutura urbana do PAC 2.

Em Manguinhos, o presidente inaugurou 328 apartamentos populares do programa habitacional do governo. As unidades contam com um telefone fixo e televisão a cabo, instalados pela Embratel, que dá nome ao conjunto. Os serviços serão gratuitos por seis meses.

No local, também foram assinados contratos do programa Minha Casa, Minha Vida no total de R$ 112,49 milhões.

 

 

Agência Brasil

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*