Dilma destaca capacidade política e de formulação da ministra Gleisi

A presidenta Dilma Rousseff, em seu discurso na posse da nova ministra da Casa Civil destacou a “amizade” do ex-ministro Palocci e afirmou plena convicção de que Gleisi Hoffmann fará um excelente trabalho.

“Um amigo deixa o governo, e uma amiga assume o seu lugar. Seja bem-vinda, ministra-chefe do gabinete civil da Presidência da República, senadora e amiga, Gleisi Hoffmann”.

A presidenta também destacou que conhece bem o trabalho de Gleisi. “Tenho certeza de que você, Gleisi, será bem-sucedida nessa importante função de governo. Sei disso porque a conheço bem e porque conheço muito bem as atribuições do cargo que você vai assumir”.
Para Dilma, um dos fatores que a levou ao convite à nova ministra diz respeito ao seu currículo técnico. “A senadora Gleisi tem sólida formação técnica e é uma grande gestora pública, provou isso em todas as funções que exerceu. A agora ministra-chefe da Casa Civil se notabilizou pela competência como administradora e gestora, demonstrou sensibilidade e visão social, além de inegável capacidade de formulação política”. (Ricardo Weg – Portal do PT)


Confira abaixo os principais trechos do discurso da presidenta Dilma

“No Senado, recém-chegada, já havia conquistado a admiração dos aliados e o respeito dos adversários pelo destemor com que defende suas convicções, pela firmeza no apoio ao governo e, ao mesmo tempo, pela elegância com que enfrenta os mais difíceis embates políticos.

A ministra-chefe da Casa Civil, senadora Gleisi Hoffmann, é mais uma mulher no governo da primeira Presidenta na história do Brasil. É mais uma mulher competente, uma mulher firme e uma mulher capaz a fazer parte do nosso time.

Prepare-se, minha cara ministra Gleisi. Os nossos compromissos são ousados, como é o de manter a economia em crescimento, controlar a inflação, garantir a rigidez fiscal, criar mais e mais empregos, investir pesadamente em Educação, fortalecer a nossa classe média, distribuir renda e, sobretudo, assegurar que um país rico é um país sem miséria.

Neste início de governo, já lançamos programas fundamentais para o nosso Brasil e para os brasileiros. Cito os dois mais recentes: lançamos o plano Brasil sem Miséria, ousada iniciativa para erradicar a pobreza extrema, que há tantos séculos nos envergonha. Agradeço a participação do ministro Palocci nesse projeto. E, ainda hoje, lancei também o Plano Estratégico de Fronteiras, por meio de uma parceria inédita entre o Ministério da Defesa e o Ministério da Justiça, que combaterá com firmeza o contrabando de armas, a entrada de drogas no Brasil e, em pouco tempo, aumentará a segurança das populações das grandes cidades brasileiras.

É do jogo democrático que enfrentemos a oposição, ministra Gleisi, quase sempre ruidosa, nem sempre justa. A pressão e as críticas são da regra democrática, e não vão inibir a ação do meu governo. Jamais ficaremos paralisados diante de embates políticos. Sabemos travar o debate e, ao mesmo tempo, governar. Temos promessas a cumprir, e vamos cumpri-las; temos programas a executar, e vamos executá-los, com rigor e com dedicação.

O meu governo, o nosso governo, ministra Gleisi, tem metas, e vai alcançá-las, com o apoio de nossa base no Congresso. Eventualmente, também, com o apoio ou a compreensão das oposições, desde que entendam que o interesse nacional deva se sobrepor à luta política conjuntural. E, principalmente, com o apoio do povo brasileiro. Foi com a força da nossa população que nos elegemos, e é com a força dela e que dela emana que governaremos”.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*